Escutem Purgatory do Tyler Childers, álbum produzido pelo Sturgill Simpson


O Tyler Childers é apenas mais um músico Country que passou por maus bocados até ganhar a atenção que merece. O músico do Kentucky escreve e toca desde muito novo, mas só agora, aos 27 anos, está recebendo atenção por parte da mídia e dos fãs, grande parte por causa do seu padrinho musical famoso, um tal de Sturgill Simpson. Tyler e Sturgill nasceram e foram criadas em cidades próximas, então não deve ter sido muito difícil o Sturgill ter conhecido o Tyler e visto todo seu talento.

"Purgatory", que foi co-produzido pelo Sturgill Simpson e David Ferguson, é o segundo álbum do Tyler Childers, que lançou em 2011 "Bottles & Bibles" e não foi notado por quase ninguém, e mostra todo o potencial desse jovem cantor e compositor.Tirando a faixa-título, que um belo Bluegrass, e "Universal Sound", que é um Country Pop e que eu achei um deslize, o álbum é composto por ótimas faixas Country, mas sem nenhum grande hit, não falo de faixas para as rádios, mas de uma que você irá lembrar no futuro quando ouvir/ler sobre o Tyler.

A força de "Purgatory" não reside em uma faixa e sim no conjunto da obra, que é uma prova do talento do Tyler, forte o suficiente para colocar ele no grupo de artistas mais promissores da Country Music. Mesmo que o nome do Sturgill Simpson nos créditos do álbum pese muito, todos os créditos devem ser dados ao Tyler, ao Sturgill só devemos agradecer por ter dado espaço para mais um ótimo músico.

Tecnologia do Blogger.