Hank Williams Jr. voltará a cantar tema de abertura do Monday Night Football


A ESPN está trazendo Hank Williams Jr. - e todos os seus amigos - de volta à abertura do Monday Night Football, seis anos depois da separação do músico com a emissora.

A nova versão de "All My Rowdy Friends Are Here on Monday Night" estreará no dia 11 de setembro antes do jogo entre New Orleans Saints e Minnesota Vikings no U.S. Bank Stadium, casa do Vikings.

"Eu acho que é um retorno ao nosso passado,a uma música tão icônica associada ao futebol", disse Stephanie Druley, vice-presidente sênior de eventos e produção de estúdio da ESPN.

"Foi o original", disse Druley. "Pertence ao futebol da noite de segunda-feira. Realmente é sobre retornar ao que os fãs conhecem. É uma festa de segunda a noite e é isso que todos esperamos trazer de volta ".

O vídeo, que será transmitido durante os 17 Monday Night Football da temporada de 2017 da NFL, foi filmado no domingo em Nashville e inclui dois artistas de música contemporânea. Os novos músicos serão apresentados no final desta semana e cada artista será apresentado em todas as aberturas do Monday Night Football, as letras da música serão mudadas para cada jogo e irão fazer referências às franquias que irão jogar na noite.

Para Williams, retornar à ESPN é um regresso inesperado para casa.

"Eu nunca disse, 'Você está pronto para um pouco de futebol' no palco nenhuma vez nos últimos cinco ou seis anos, mas agora vou", disse o cantor, sentado em seu camarim durante uma pausa na filmagem do comercial. "Estou me sentindo em casa e é uma coisa verdadeira...É como o Nashville Predators que estão jogando a Stanley Cup, é tipo Uau’".

Williams tocou pela primeira vez a música, que é baseada em seu sucesso "All My Rowdy Friends Are Coming Over Tonight", durante a temporada do 20º aniversário de Monday Night Football, em 1989.

A ESPN tirou Williams do programa em 2011, após as observações feitas por Williams depois de uma partida de golfe entre Obama e o presidente da Câmara, o republicano John Boehner. Williams descreveu a saída como "um dos maiores erros políticos de todos os tempos".

Na época, Williams disse no programa Fox & Friends que o encontro "seria como Hitler jogando golfe com o Benjamin Netanyahu (líder israelense)". Quando os apresentadores pediram para ele explicar sua analogia, Williams disse que Obama e o vice-presidente Biden são "os inimigos". Williams mais tarde respondeu às críticas sobre suas observações, dizendo que ele estava "simplesmente tentando mostrar o quão estúpido me pareceu".

Druley disse que não está preocupada com as reações do retorno do Williams possa gerar. "Tenho certeza de que haverá algumas, mas não estou preocupada. Foi o momento certo. Nós discutimos isso internamente e foi o momento certo para trazê-lo de volta".

O movimento da ESPN para renovar seu relacionamento com Williams ocorre em meio a um período tumultuado na rede. Várias personalidades da emissora, incluindo Trent Dilfer, Jayson Stark e Ed Werder, estavam entre as pessoas despedidas pela rede em uma rodada de cortes de abril, que teria cerca de 100 nomes. O retorno do Williams pode ser uma maneira de a rede tentar recuperar seu posto como o "líder mundial em esportes".

Tecnologia do Blogger.