Escutem Galeria Fantasma da Them Old Crap


A Them Old Crap surgiu no cenário nacional em meados de 2013 e rapidamente se tornou uma das principais bandas da "cena" Country/Bluegrass do Brasil. "Old Man", álbum de estreia da banda, demorou para sair, mas valeu a pena esperar. O álbum é uma mistura do Bluesgrass e Punk, que é uma tendência cada dia mais popular no Brasil. Imaginava escutar algo parecido em "Galeria Fantasma", mas fui surpreendido.

Em seu novo álbum, a Them Old Crap expandiu sua musicalidade de uma forma que eu não esperava, algo bem radical na minha opinião, deve ser por isso que gostei tanto das quinze músicas que compõem o álbum. Conversei com o Eduardo Ribeiro (vocal e banjo) e ele confirmou essa diversidade: "Eu espalhei as musicas pegadas pelo álbum, pra ficar algo mais serio. A gente já tem um álbum mais pro punk, agora estamos explorando a nossa musicalidade e a parte artística em geral mesmo. A gente mesclou bastante coisa nacional, música cigana, muito som dark, tem hardcore, tem musica celta, tem post punk. A gente viajou livre, mas sempre inspirado no Bluegrass."

A sonoridade da banda melhorou demais, essa liberdade musical fez bem para a banda, e as composições saíram do clichê bebidas e brigas que as bandas brasileiras tanto gostam (eu também gosto, mas só isso não dá). Destaque para as ótimas "Rituals", "Make Up", "Shiver", "Someone" e a belíssima "Caldroun".

A Them Old Crap  se reinventou em "Galeria Fantasma" sem perder sua essência, o Bluegrass. Essa é uma das melhores bandas nacionais, não tenho dúvidas disso.

Tecnologia do Blogger.