Escutem God’s Problem Child do Willie Nelson


Hoje o Willie Nelson está completando 84 anos de idade e 61 anos de carreira e ele não para de me impressionar! A voz dele continua impecável e inconfundível, não sei como ele consegue fazer isso. O álbum, que fala do envelhecimento, do amor e da perda de velhos amigos, prova que, aos 84 anos, a criança problemática é sábia, com alma e clara como sempre.

Em "Old Timer", Nelson canta sobre um velho olhando para trás em seus dias mais selvagens; "It Gets Easier" lida com a passagem do tempo e seu impacto nos relacionamentos e nossa própria psique; "A Woman's Love" é uma típica balada do Willie Nelson; "Still Not Dead" é irônica e fala das muitas vezes que ele acordou e descobriu que tinha morrido; A faixa-título, que conta com a participação do Leon Russell, Tony Joe White e Jamey Johnson, é mais temperamental e sombria; e o Willie não iria perder a chance de cutucar o Trump e fez isso muito bem em "Delete and Fast Forward": "Tivemos a chance de sermos brilhantes e voltamos a explodir", ele canta. "Então, apague e avance rápido, meu amigo."

O álbum se encerra "He Won’t Ever Be Gone", uma lindíssima homenagem ao Merle Haggard. A música foi escrita pelo Gary Nicholson e o Ben Haggard, filho do Merle, participa fazendo os backing vocalls.

Se você é um grande músico, não importa sua idade, você ainda será brilhante. O Willie Nelson, aos 84 anos, ainda é brilhante e consegue como poucos encantar seus fãs, dos mais velhos ao mais novos.

Todos sabem que a saúde dele não é das melhores, mas eu não imagino o Willie Nelson anunciando sua aposentadoria, ele respira música, por isso acho que ele só irá se aposentar quando morrer, algo que espero que demore demais para acontecer.

Vida longa ao Red Headed Stranger!

Tecnologia do Blogger.