Escutem o álbum instrumental de estreia da Mescalines


O duo formado pelo Jack Rubens e Mariô Onofre lançou recentemente seu álbum de estreia, "Mescalines", que é totalmente instrumental. Som nu, cru, mas nem por isso menos deslumbrante. As sete faixas de "Mescalines" foram todas gravadas em menos de 3 horas em um registro fiel de como a banda soa ao vivo. Com o mínimo de maquiagem.   

"Fizemos overdubs mínimos em apenas duas faixas: 'Barko' e 'Nebulosa'. Os poucos arranjos pré-definidos do álbum foram surgindo em shows. Algumas faixas foram totalmente improvisadas, como 'Pássaro Vermelho I' e 'Pássaro Vermelho II', 'Solaris' e 'Barko'. 'Serpente de Bronze' foi a única talvez que fizemos mais de um take, o arranjo dela surgiu na hora e resolvemos moldá-lo um pouco."

"É interessante batizar uma música instrumental, acho que 'Nebulosa' é um blues que tem algo de supersônico, espacial nela. 'Barko' tem o balanço de um barco ancorado no cais e que no decorrer da música se livra das correntes para alto mar. 'Calchaquí' é a faixa mais longa, narra um passeio pelos Valles Calchaquíes, na Argentina, a tensão da música tem a ver com a chegada dos espanhóis e o massacre dos índios da região."

Tecnologia do Blogger.