Conheçam o bluesman Celso Salim



O blueseiro que aos seis anos de idade iniciou a prática de violão e já aos quinze adotou a música como profissão, é, hoje, um dos principais guitarristas de blues do país.

O brasiliense iniciou seus estudos de guitarra no Brasil e alguns anos mais tarde optou por continuá-los no exterior, já que pôde usufruir de uma bolsa de estudos no estimado Musicians Institute (M.I.), localizado em Los Angeles. Durante os anos em que residiu nos EUA integrou uma banda de Blues que frequentemente apresentava-se na cena local de L.A., gravou seu primeiro e tão esperado disco "Lucky Boy" e já ao final de seu curso, o talentoso "garoto de sorte" recebe o prêmio de "aluno destaque" concedido pelo Musicians Institute.

Retornou ao Brasil em 2000 já com o primeiro disco em mãos, iniciando, assim, sua carreira solo. Em 2003 lançou, pela GRV discos, seu segundo CD "Going out tonight" que lhe rendeu, entre outros acontecimentos, o show de abertura na apresentação feita por B.B.King em Brasília, a participação em um dos maiores festivais de blues do Brasil – Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga (CE) e o convite para fazer de seu show de lançamento um especial na TV Senado, ganhando, então, maior projeção nacional.

Celso morou em São Paulo de 2004 a 2014. Neste período, além da promissora carreira solo, o guitarrista integrou as bandas de dois grandes nomes do Blues nacional (Ari Borger Quartet e Sérgio Duarte Blues Band) e atua como produtor musical. Nos últimos anos realizou várias apresentações em unidades SESC e SESI com Ari Borger, Sergio Duarte, Donni Nichilo e Celso Salim Band; participou dos festivais República Blues e Porão do Rock (ambos em Brasília); representou Brasília no especial da TV Cultura - Blues no país do Samba - organizado por André Christovam; participou do Festival Jazz&Blues de Rio das Ostras com Ari Borger Quartet; acompanhou o americano Larry McCray; foi parte especial no show de Willie “Big Eyes” Smith (baterista de Muddy Waters) além de ter sido pessoalmente convidado por Magic Slim, que estava presente em uma de suas apresentações, para participar do show que realizou em São Paulo.

Os anos de empenho renderam frutos ao talentoso guitarrista, cantor, compositor e produtor. Seu 3º disco "Big City Blues desfrutou" de diversos elogios da crítica nacional e internacional (Guitar Player, Blues’n’Jazz, Real Blues Magazine, Blues Bytes  e mary4music.com, entre outros) e várias de suas faixas já são executadas em rádios de diferentes países como Espanha, Itália, França, Argentina, Austrália, EUA e Brasil. Além disso, quatro delas entraram no Top 500 do concurso de composição da Bilboard (2008) e uma delas levou o título de "melhor composição de blues" através do concurso americano de composição IMA (International Music Awards). A faixa, que leva o nome do disco, estava entre as cinco composições finalistas, sendo três delas americanas e uma canadense. Surpreendentemente, o voto popular selecionou a única composição brasileira da categoria.

Em seu 4º disco "Diggin’the Blues", uma parceria com o contrabaixista Rodrigo Mantovani, eles mergulharam num repertório repleto de releituras de canções do Blues compostas entre as décadas de 30 e 60, fazendo grandes apresentações pelo país, entre elas, nos Festivais República Blues (DF), Cinemúsica (RJ), Mississippi Delta (RS), Só Blues-Centro Cultural (SP), Acústico Rolla Pedra (DF), além de diversos shows na capital e interior de São Paulo nas redes SESC e SESI, entre outros.
Participaram também do programa Espaço Cultural da TV Senado.

Em 2014 Celso Salim lancou o 5º disco de sua carreira "To the End of Time", com oito faixas autorais e três releituras de clássicos do blues. Gravado em São Paulo, com produção de Celso Salim & Rafael Cury, o trabalho tem Rodrigo Mantovani no baixo, Jason Sterling na bateria, participações de Ari Borger (piano), Humberto Zigler (bateria), Rafael Cury e Bia Marchese (voz), Denilson Martins (sax) e Darryl Carriere  (gaita). Entre faixas acústicas e elétricas, Celso canta e toca guitarra, violão, bandolim e dobro.

Atualmente, Celso está morando em Los Angeles.

Tecnologia do Blogger.