Irmandade do Blues - Ao Vivo (Review)


Por Blues Brasileiro

Com 18 anos de estrada e mantendo a mesma formação é uma tarefa difícil, ainda mais para uma banda de Blues brasileira. Por outro lado a discografia da banda é composta dos álbuns "Veneno" (1996) e "Good Feelings" (2007). A Irmandade do Blues, apesar do nome carrega doses de Blues e Rock na sua bagagem musical. Formada por músicos experientes no cenário paulista (Vasco Fae, Edu Gomes, Silvio Alemão e Fernando Lola), transita com muita facilidade transformando, por exemplo, "Highway 49" de Howlin Wolf em um Blues Rock.

Em 2009 a Irmandade do Blues gravou CD e DVD "Ao Vivo" com a participação especial de Andreas Kisser (Sepultura) e Andre Matos (Angra e Shaman) dois músicos do cenário Heavy Metal mundial. A gravação acontecou no Sesc Santo André em 27 de Julho de 2009.

Como de costume, a banda estava afiada e em uma noite com alto astral. É impressionando como conseguem transformar clássicos do Blues em Blues Rock de qualidade, como também aconteceu com "Mean Old World" de Little Walter e "Crossroads" de Robert Johnson que ficaram com um peso muito legal sem deixar o público tentando lembrar "de quem é essa música?".

"Crossroads" chegou a ganhar um momento mais relax, viajante, com a guitarra de Edu Gomes, transcendendo ao Blues e chegando ao um nível muito legal e interessante. Mas sem perder o rumo e ficar vários minutos "na viagem" como outros músicos costumam fazer. Na sequência da gravação ainda iremos encontrar outros clássicos como "South Bound Train" (Big Bill Bronzy), "Mercedes Benz" (Janis Joplin), "Feelin' Alright" (da clássica banda inglesa de rock Traffic), "I Got a Woman" (Ray Charles) e "Rock And Roll" (Led Zeppelin).

Na minha opinião a participação de Andre Matos no vocal de "Mercedes Benz", "Rock And Roll" e "I Got The Blues" foi bem interessante, conseguiu manter o clima de Blues Rock que rolava naquele momento. Outro convidado, o guitarrista Andreas Kisser participou das clássica "I Got The Blues", "Feelin Allright" e "Rock And Roll"

É preciso viver e sentir o Blues, e não ouvir Blues. E isso a banda Irmandade do Blues sabe fazer com qualidade. A Irmandade do Blues está de parabéns por deixar registrado para os amantes do Blues e Rock esse conjunto de CD/DVD ao vivo. Depois de 5 anos, ouví pela n-ésima vez o CD e ainda o considero atual. 

Por Blues Brasileiro
Tecnologia do Blogger.