Você sabe o que é Bluegrass?


Ultimamente tenho recebido muitos pedidos para falar um pouco mais sobre Bluegrass, um estilo que tenho me aprofundado nos últimos meses e cada dia me encanta mais. Eu até que gostaria de falar um pouco mais da história do Bluegrass aqui nessa postagem, mas tive a oportunidade de repostar um artigo escrito pelo César Benzoni da banda Motorgrass. Então se você quiser saber mais um pouco das raízes históricas do Bluegrass, acessem bit.ly/Bluegrass-History.

Para os preguiçosos, o Bill Monroe caracterizou o gênero desta forma: "É violino dos velhos tempos. É metodista, sagrado e batista . É blues e jazz, e tem o agudo solitário (high lonesome sound). É musica que traz uma boa historia. É musica tocada de coração pra coração e vai tocar o seu. Bluegrass é música que importa".

Nessa postagem vou apresentar para vocês quatro nomes que sou fã e irão ajudar vocês a conhecer melhor o estilo.

Bill Monroe & His Bluegrass Boys


Foi com essa banda que tudo começou. Formada em 1945 pelo pai do Bluegrass, Bill Monroe, Earl Scruggs (banjo), Lester Flatt (vocal e violono), Chubby Wise (violono) e Howard Watts (baixo). Esses caras são as raízes do Bluegrass, tanto no som como na configuração instrumental definitiva, que passou a ser um modelo para as bandas que surgiram depois. Essa formação durou até 1948, ano em que Flatt e Scruggs saíram e formaram sua própria banda, a Foggy Mountain Boys.

Bill Monroe morreu em 1996 e gravou clássicos como "Toy Heart," "Blue Grass Breakdown," "Molly and Tenbrooks", "Wicked Path of Sin," "My Rose of Old Kentucky," "Little Cabin Home on the Hill" e o clássico dos clássicos, "Blue Moon of Kentucky".

Earl Scruggs morreu em março de 2012 e sempre será o maior tocador de banjo. Porter Wagoner disse que Earl "é para o banjo de cinco cordas o que Babe Ruth era para o beisebol. Ele é o melhor que já existiu".

Lester Flatt morreu em 1979 e ao lado do Earl Scruggs gravou e fez shows com a Foggy Mountain Boys por mais de 20 anos, lançando clássicos como "Foggy Mountain Breakdown" e "The Ballad of Jed Clampett".

The Stanley Brothers


Formada em 1946 pelos irmãos Carter e Ralph Stanley, os Stanley Brothers são considerados a segunda banda de Bluegrass após terem gravado a faixa "Molly and Tenbrooks". Bill Monroe não gostava muito do som dos Stanley Brothers e da Foggy Mountain Boys, ele acreditava que ambos tinham roubado a "sua música" e eram vistos como ameaças econômicas. No inicio dos anos 50 os irmãos passaram por problemas financeiros e tiveram que dar uma pausa em sua carreira musical e começaram a trabalhar na Ford, em Detroit. Em 1951 a banda já estava novamente na estrada e dessa vez ao lado do Bill Monroe (Sim! Eles se tornaram amigos!).

Ao longo dos anos eles lançaram grandes canções como "I'm A Man of Constant Sorrow", "Rank Stranger", "Angel Band",  "How Mountain Girls Can Love", "Ridin' That Midnite Train", "Clinch Mountain Backstep", "She's More To Be Pitied", "The Memory of Your Smile" e "Love Me Darlin' Just Tonight".
 
A banda acabou no dia 1 de dezembro de 1966, dia em que Carter morreu. Ralph Stanley morreu no dia 23 de junho de 2016.


The Country Gentlemen


A banda surgiu em 1957 em Washington D.C. e era formada por Charlie Waller (vocais e guitarra), Bill Emerson (banjo e vocais), John Duffey (mandolin e vocais) e Larry Lahey (baixo). Como em todas as bandas, mudanças no lineup aconteceram, entraram na banda Eddie Adcock (banjo e vocais) e Tom Gray (baixo), dando forma a primeira formação clássica da banda. Os membros dessa formação foram introduzidos no International Bluegrass Music Hall of Honor em 1996.

Após algumas mudanças de formação nos anos 60, a banda estabeleceu o que é considerada a sua segunda formação clássica: Charlie Waller (vocais e guitarra), Bill Emerson (banjo e vocais), Doyle Lawson (mandolin e vocais) e Bill Yates (baixo e vocais).

Ao longo dos anos a banda lançou lançou 28 álbuns de estúdio. A banda acabou em 2004, ano da morte do Charlie Waller.


Ricky Skaggs


Quando o Ricky Skaggs nasceu, em 1954, o Bill Monroe já era uma estrela e o Bluegrass se popularizava cada dia mais. A carreira do Ricky começou cedo, com 5 anos ele já tocava bandolim e com 6 anos cantava e tocava em um palco ao lado do Bill Monroe. Com 7 anos ele se apresentou no programa da Martha White ao lado do Lester Flatt e Earl Scruggs, quase parou no Grand Ole Opry, mas falaram que ele era muito novo.

O primeiro álbum lançado pelo Ricky Scaggs foi "That's It" em 1975 e desde então lançou 32 álbuns de estúdio, colocou 13 singles no topo das paradas, misturou o Bluegrass com outros estilos musicais e lançou com a Kentucky Thunder o álbum "Bluegrass Rules!".

O Ricky continua na ativa, tem apenas 58 anos e é, sem dúvidas, o grande nome do Bluegrass da atualidade, não por lançar e vender mais álbuns, mas sim por ser o melhor em minha humilde opinião.

Tecnologia do Blogger.