Kentucky Headhunters - Rave On!! (Review)


"Rave On!!" é o terceiro álbum de estúdio da The Kentucky Headhunters, lançado em 1993, pela Mercury Records. Com a saída dos irmãos Phelps, Anthony Kenney resolveu se juntar novamente ao seu irmão e primos, e trouxe consigo seu amigo Mark S. Orr para os vocais. O álbum alcançou a 22° posição na Billboard Top Country Albums.

A banda deixou transparecer bem suas raízes 'Bluesísticas', músicas com uma dose a mais de boogie, e muitos arranjos de piano presentes nas canções. A faixa que abre o álbum é o cover "Dixie Fried" do pai do Rockabilly, Carl Perkins, uma música com muito boogie, e uma pegada claramente Rock/Blues. Na sequência "Just Ask fo' Lucy" continua passeando pelo 'Rhythm Blues', os arranjos de piano foram feitos pelo Richard Young, sem esquecer dos ótimos solos de slide provindos da guitarra de Greg Martin. O que esperar de uma canção chamada "Honky Tonk Walkin'" o nome dela já diz tudo, (fui claro?). 
A faixa "Redneck Girl" traz de volta a pegada Country Rock mesclada ao Blues, ótimo refrão, a voz do Mark S. Orr lembra muito a de Rickey Phelps, mas com agudos e graves bem mais melhorados. A suave "Dizzie Miss Daisy" é o tipo de música que massagea os tímpanos, e serve para comprovar o elogio acima feito ao vocal do Mark. As faixas "Celina Tennessee" e "The Ghost Of Hank Williams" ambas trazem riff's elaborados, ótimos solos, muito boogie e uma levada bem Blues Rock, mas sempre com pitadas de Country, duas ótimas músicas.
"Freedom Stomp" surge com riff's bem criativos, do Rock ao Country/Blues, guitarras bem trabalhadas e um solo cheio de feeling, música pra beber, bater o pé e tirar o chapéu. A faixa "Muddy Water" é uma bela homenagem ao mestre do Blues, uma ótima música, e nem preciso dizer que é um Bluesão com guitarras bem trabalhadas (Ok!?). A canção "My Gal" é um cover da banda norte-americana The Lovin' Spoonful. A versão ganhou um toque bem Country/Bluegrass, instrumental e interpretação perfeita. Não podia faltar um cover do Bill Monroe no álbum, a faixa "Blue Moon Of Kentucky" pertence ao pai do Bluegrass, além dos ótimos solos de guitarra a lá Chuck Berry, destaco também o vozeirão suave do Mark S. Orr, sem esquecer, os arranjos de piano foram feitos por John Barlow Jarvis. 
Pra finalizar "Underground" continua mantendo acesa a pegada Blues Rock proposta neste álbum, sendo uma música com uma levada bem cadenciada, um ótimo refrão e um solo bem trabalhado. O vocalista Mark S. Orr gravou apenas este álbum, mas deixou marcado sua participação na The Kentucky Headhunters com 5 estrelas, um grande vocalista. Um disco recomendado pra quem gosta de deleitar daquele Southern Rock carregado por Country/Bluegrass e muito Blue.

Escrito por Augusto Monteiro e publicado originalmente na Taberna do Putardo.
Tecnologia do Blogger.