Jackyl - Push Comes To Shove (Review)


"Push Comes To Shove" é o segundo álbum de estúdio da Jackyl, lançado em 1994, pela Geffen Records. Duas canções do álbum alcançaram boas posições na Mainstream Rock Chart, a faixa título "Push Comes To Shove" alcançou a 7° posição e  "Headed For Destruction" alcançou a 35° posição.

Review faixa a faixa:

1 - "Push Comes to Shove" - A faixa de abertura é um puro Southern/Hard Rock de primeira categoria. Riff's precisos, um refrão energético e um ótimo solo. Uma perfeita porrada na orelha!

2 - "Headed for Destruction" - Mais uma música em que Jesse James Dupree usa sua insana técnica com a "Motosserra", dessa vez ela praticamente fala (quase!). Mais uma música com uma levada Southern/Hard Rock, daquelas de causar uma certa desordem mental. O refrão e o solo é algo INSANO de se ouvir, incrível e perfeito. Ao vivo torna-se um HINO!

3 - "My Life" - O nome parece ser de uma baladinha, mas claro que não é. A música tem uma levada bem alegre e viva. Thomas Bettini deixa o seu baixo bem destacado na canção, um som perfeito. É uma ótima música!

4 - "I Could Never Touch You Like You Do" - Uma ótima introdução guitarrística, guitarras com muito feeling. A música tem uma levada cadenciada, mas que vai progredindo com muita energia. O solo do Jimmy Stiff fecha com chave de ouro, simples, técnico e bem dentro da música!

5 - "Dixieland" - É uma fantástica música. Uma introdução demorada, que começa suave e vai ganhando um certo vigor. O refrão ganha uma dose de peso, algo bem Southern Hard/Metal, mas com um final bem mais suave e regado por uma gaita. Compreende? 

6 - "I Want It" - Essa música tem uma introdução com uma técnica de guitarra chamada "Fade In", usando o volume, algo parecido você encontra na música "Damage, Inc." do Metallica. Mas o que ouvimos aqui é um puro Southern Hard/Metal. Riff's fortes, precisos, um solo com muita pegada e um refrão que ganha bastante apoio dos backing vocals (meio que digitalizados!). Mais uma ótima música!

7 - "Private Hell" - Mantém a excelente pegada Southern/Hard Rock criada pela banda. Riff's empolgantes, um solo cheio de técnica e feeling. Mais uma música com um refrão que fica na cabeça!

8 - I Am the I Am - Essa música tem um certo "balanço", música que gruda na mente. Tipo de música divertida, alegre e que deixa o ambiente em perfeita harmonia! 

9 - "Secret of the Bottle" - Nas palavras de Jesse James Dupree essa música é uma canção country, e não uma balada. Mas até que não é uma baladinha daquelas mela-cueca, e sim, uma canção country e com uma letra engraçada. Solos bem trabalhados em uma levada bem acústica. Outra ótima música!

10 - "Rock-A-Ho" - A música tem uma temática bem indígena, mas com uma letra cheia de humor e sarcasmo. Uma levada Southern/Hard Rock com riff's precisos e Jesse James Dupree cantando como um índio INSANO. Ótima música!

11 - "Back Down In The Dirt" - Uma pegada bem Southern/Hard Rock, com uma melodia bem agradável e bem viva. Outra música com um ótimo e empolgante refrão.

12 - "Chinatown" - A última música fecha com maestria este ótimo álbum. Apesar da letra ter um teor de "humor negro" contra o bairro Chinatown e seus moradores, mas, isso não tira o brilho da música. Uma levada bem swingada, Jimmy Stiff solando com muito feeling, e a música ganha a participação de Randy Raine-Reusch nos metais.

A era Grunge não conseguiu de maneira alguma ofuscar o ótimo trabalho existente neste álbum. É mais um álbum do tipo que traz uma desordem mental no ambiente. Jackyl não é uma banda comum, eles estão sempre dispostos a chutar "seu traseiro". As letras do álbum continuam com uma temática de humor e sarcasmo, é de arrancar sorrisos. Riff's excitantes, solos quentes e uma condução de ritmo impressionante, tudo regido pela voz do "maestro" INSANO Jesse James Dupree. Mais uma vez ouvimos o poder de sua motosserra. Compre cervejas, abasteça sua geladeira e prepare-se para prazerosa e excitante desordem mental que essa banda causará em seus ouvidos!

Escrito por Augusto Monteiro e publicado originalmente na Taberna do Putardo.
Tecnologia do Blogger.