Conheçam O Bardo e o Banjo


Transmitir a música, a cultura de um povo, é a única forma de manter a chama da história de cada um de nós acesa para a posterioridade. O bardo na Europa antiga desempenhava esse papel, transmitindo através da arte (música, poemas) as histórias e lendas dos lugares por onde ele havia passado. No espirito de propagar uma cultura não tão conhecida, Wagner Creoruska Junior da inicio ao projeto o O Bardo e o Banjo, onde a música tradicional irlandesa e americana é propagada. Músico e instrumentista desde os 12 anos, Wagner estudou do violão erudito às guitarras do Heavy Metal, passando pelos mais diferentes estilos musicais e tocando em bandas como a Unlife e a December. O Bardo e o Banjo é por essencia um projeto que se enquadra no Folk, buscando nas raizes da música tradicional norte-americana, e, no banjo e seus intrumentos de percussão, o resgate (ou o conhecimento) de uma cultura esquecida.

Hoje, como quarteto, o grande trunfo do Bardo e o Banjo é relacionar-se com o público e fazer música ao vivo, através da sonoridade rústica, espontânea e cativante que o folk e o bluegrass proporcionam.

Em 2014, a banda lançou seu álbum de estreia, "Homepath".

Tecnologia do Blogger.