Allman Brothers Band - Feliz aniversário At Filmore East!


Os dias 12 e 13 de março são muito importantes para os fãs do Allman Brothers, para os do Southern Rock e para os do Rock em geral. Há exatos 41 anos atrás, o Allman Brothers se apresentava no lendário Fillmore East pela segunda noite consecutiva.

Os dois shows resultaram em um dos álbuns mais aclamados da história do Rock, "At Fillmore East" colocando o Allman Brothers no mapa da música de forma definitiva. Qualquer lista que tente rankear os melhores álbuns ao vivo da história, tem o "At Fillmore East", exceto a lista da NME que é muito esquisita.

O álbum ficou na 49° colocação na lista 500 Greatest Albums of All Time da Rolling Stone, dizendo o seguinte sobre o álbum:

"Embora este álbum duplo seja um testemunho inigualável das habilidades de improvisação do Allman Brothers, é também uma evidência de como eles estavam conectados com as multidões no Fillmore em New York para o Oriente, e como a energia recíproca deu à luz ao maior do LP duplo ao vivo do Rock. "O público parecia tocar junto conosco", disse o cantor-organista Gregg Allman sobre aquelas shows de março de 1971. "Eles estavam bem em cima de cada única vibração que vem do palco." A equipe de guitarra de Duane Allman e Dickey Betts estavam no seu auge de arrepiar os cabelos, a fusão do blues e jazz com uma força enfática em "Whipping Post" e "In Memory of Elizabeth Reed." Mas a sua telepatia foi interrompida apenas três meses após o lançamento do álbum, quando Duane morreu em um acidente de moto."

O álbum foi classificado em 59° na lista de 500 Greatest Albums of All Time da VH1 e em 2004 foi uma das 50 gravações escolhidas pela Library of Congress para ser adicionado ao National Recording Registry (lista que reune faixas e álbuns "culturalmente, historicamente ou esteticamente importante, e/ou informar ou refletir a vida nos Estados Unidos").

Esse não é qualquer álbum ao vivo, é simplesmente uma amostra do talento de uma banda que "talvez" se encontrasse no seu auge, falo "talvez" porque a morte prematura do Duane Allman fez um pouco da magia se perder, mas não morrer. Não se sabe o que o Allman Brothers poderia ter se tornado se Duane não tivesse morrido, poderia ter sido um mega sucesso ou um grande fracasso. Respostas que nunca teremos, mas felizmente, antes da tragédia acontecer, "At Fillmore East" pode vir a tona e deixar registrado para a eternidade o potencial de Duane Allman, Gregg Allman, Dickey Betts, Berry Oakley, Jai Johanny Johanson, Butch Trucks e de todos os envolvidos na gravação do álbum.

Feliz aniversário "At Fillmore East"!
Tecnologia do Blogger.